• Educação

    Dificuldade na conclusão de estudos

    Projeto de educação ambiental lança revista em quadrinhos em Cuiabá.  “Aprendendo com a Doquinha” é o título da revista que foi distribuída em 176 escolas da rede pública de Cuiabá.

    Alô especial aos ouvintes do Norte, Nordeste e Centro-Oeste.

    Resposta de carta – Mãe de alunos reclama a ausência de merenda escolar na zona rural de Riachão (MA). A Prefeitura Municipal confirma a situação em três escolas da rede estadual. A assistente da Coordenadoria do Programa Estadual de Merenda Escolar, Maria Eugênia Andrade explica o problema.

    Em muitas vezes jovens não conseguem concluir seus estudos por diversos empecilhos, mas agora, você pode resolver esse problema, realizando o exame do Encceja você poderá receber o diploma do ensino fundamental e médio, para saber se você foi aprovado é preciso acertar um número mínimo de questões e conferir o Gabarito Encceja 2019.

    Encontro sobre Informática na Educação em São Paulo. Nos dias 20, 21 e 22 de agosto, professores de escolas públicas, particulares e de universidades vão se reunir para trocar experiências sobre o uso do computador.

    Professor de Icó (CE) fala sobre a importância da prática de esportes. José Angelim Lima explica que a criança pode perceber suas falhas a partir de atividades esportivas. A psicóloga Miriam Maya Felipe comenta ainda a importância da presença dos pais no momento de superação das derrotas pelos filhos.

    Luiz Alberto fala sobre a importância do oxigênio e da preservação da Floresta Amazônica para todo o planeta.

    “O Que é Droga” – Escola Brasil faz uma série de reportagens sobre o problema das drogas nas escolas. Entrevista com o representante do Conselho de Entorpecentes do Distrito Federal, Carlos César Soares, sobre os diversos efeitos causados pelas drogas.

  • Educação

    MEC publicou regras para programa estudantil de bolsas de estudo

    O Ministério da Educação (MEC), publicou ontem a portaria que define as regras para o ProUni 2019, com informações importantes para os candidatos. As inscrições para o ProUni 2019 vão de 14 a 19 de janeiro de 2019, fique atento ao prazo, elas poderão ser feitas no Portal do ProUni, em siteprouni.mec.gov.br.

    Entre as regras, dessa vez oficializadas com a publicação no Diário Oficial da União da Portaria Normativa n˚1, de 6 de janeiro de 2019, está a nota mínima para concorrer a um dos milhares de bolsas do ProUni, que é de 400 pontos na somatória das provas do Enem 2018, além de não ter zerado a prova de redação. Outro quesito é que o candidato deverá ter estudado em escola pública ou na condição de bolsista em escola particular.

    Consulte aqui a portaria normativa que regulamenta o ProUni 2019.

    O candidato será selecionado uma bolsa no ProUni 2019 de acordo com a sua nota no Enem 2018, porém a vaga só estará garantida após a comprovação da documentação exigida, para conferir a documentação completa, consulte a portaria acima.

    O Governo Federal, visando o aperfeiçoamento dos professores, autorizou que os professores da rede pública de ensino se inscrevam no ProUni desde que os cursos escolhidos sejam de licenciatura ou pedagogia, tirando esta exceção, não é permitido que uma pessoa que já tenha curso superior, possa fazer outro através do ProUni.

    Ainda de acordo com a portaria do ProUni 2019 publicada no Diário Oficial da União, para ter direito a uma bolsa integral, o candidato deve ter uma renda máxima de um salário mínimo e meio (R$ 933), para concorrer a bolsas parciais, de 25% ou 50%, a renda máxima permitida é de três salários mínimos (R$ 1.866). Indígenas, negros, pardos e pessoas com deficiência devem pleitear bolsas referentes a “ações afirmativas”.

     

  • Educação

    Simulado online para estudar

    Fazer a prova do Enem 2019 pode ser muito difícil para muita gente, afinal, esta prova pode representar o ingresso em uma boa universidade e uma esperança de futuro melhor, por isso é necessário se preparar para a prova, e hoje você terá acesso e saberá a importância do Simulado Enem 2019, que está sendo disponibilizado de forma online por muitos sites da rede, veja mais informações sobre o Simulado ENEM 2019 online.

    No simulado Enem 2019 você irá encontrar uma relação com perguntas que caem na prova do Enem, ou seja, você irá estudar através dos moldas da prova que é aplicada no exame, por isso é necessário buscar um simulado atualizado com as questões que vem caindo nas provas.

    Simulado ENEM 2019 online

    Através do Simulado ENEM 2019 online o candidato poderá estudar, revisar seu nível de conhecimento e se preparar melhor para a prova, por isso a importância de oferecer um simulado de qualidade e que ajude quem está estudando e tem dificuldade em algumas matérias.

    Selecionamos hoje dois excelentes Simulado ENEM 2019 online para que você possa estudar com qualidade e questões atuais nos moldes que são aplicadas no Exame Nacional do Ensino Médio.

    Simulado Brasil Escola

    O Brasil Escola é um site referência quando falamos de estudos e oferece uma página completa sobre o Enem 2019, inclusive com um simulado onde você seleciona o número de questões que deseja responder, para acessar clique aqui.

    Simulado Guia do Estudante

    O Guia do Estudante tem ajudado centenas de alunos que prestam o Exame nos últimos anos e deixa a disposição um excelente Simulado Enem 2019, para que você possa estudar e revisar seu aprendizado. E você conhece algum simulado Enem 2019 como está estudando para o Exame? Compartilhe suas dicas abaixo.

  • Educação

    19 cursos gratuitos para empreendedores em novembro

    Pronatec Vitória ES 2019 veja como fazer a inscrição para os cursos gratuitos 2019 do Instituto Federal do Espirito Santo junto com o SENAI e o SENAC de Vitória estão com inscrições abertas para cursos do Pronatec 2019 no site www.educacao.es.gov.br/PRONATEC/ para cursos gratuitos na modalidade técnica.

    As inscrições Pronatec 2019 abertas pela Secretaria de Educação do ES podem ser feitas por jovens que estejam cursando o segundo ou terceiro ano do ensino médio em escola pública estadual, para jovens que estejam estudando em escola da rede privada também podem se inscrever desde que seja bolsista integral. As aulas estão programadas para começar em janeiro 2019.

    Além de Vitória há oferta de cursos técnicos gratuitos 2019 em Vila Velha, Serra, Cariacica, Linhares e Presidente Kenedy também estão fazendo parte deste projeto, os moradores desses municípios também podem fazer a inscrição. As inscrições devem ser realizadas exclusivamente pela internet até 27 de novembro 2018.

    Os cursos oferecidos são em diversos ramos de atividade profissionais como nas áreas de administração industrial, grande variedade de curso na área de comércio e serviços, cursos técnicos na área de Química, Mecânica, Design de Interiores e Segurança do Trabalho.

    Para realizar a inscrição é indispensável que o candidato tenha em mãos o número do CPF, todos os cursos gratuitos oferecidos pelas instituições de ensino informadas acima são oferecidos através do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego mais conhecido como (PRONATEC).

    Inscrições exclusivamente pela internet até 27 de novembro 2018. Inscreva-se agora www.educacao.es.gov.br/PRONATEC/.

  • Educação

    Despencam contratações de Financiamento Estudantil no Brasil

    Quer começar a estudar em um curso superior, mas não tem condições de pagar as mensalidades em faculdade particular? Então vem conhecer tudo sobre o FIES 2019. Chega de ficar atrasando o dia para entrar numa faculdade. Com o FIES 2019 você tem essa oportunidade. Quer saber como? Leia este post que nós te explicaremos tudo.

    SISFies 2019

    O Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) é um programa do Ministério da Educação destinado a financiar a graduação na educação superior de estudantes matriculados em cursos superiores de instituições privadas (particulares).

    Para melhor atender a demanda dos alunos que querem ingressar na faculdade, foi criado o SISFIes 2019. Ele é o site do financiamento, e só pelo SISFIes 2019 é que você pode se cadastrar para receber o benefício do Fies

    Se você sempre almejou entrar numa universidade, mas não tem condições de pagar as mensalidades, com o Fies, você encontra o melhor financiamento com as taxas de juros que você pode pagar.

    Você só começa a pagar depois que concluir seu curso, deixando as prestações que cabem no seu bolso para não comprometer sua situação econômica.

    O site do Fies é muito simples de acessar, pois em cada passo da inscrição você encontra informações de como proceder, tudo para facilitar ainda mais na hora do seu cadastro. Para saber mais sobre, acesse SISFIes 2019.

    Continue com a gente e saiba mais detalhes do FIES 2019:

    Taxas e Juros

    Em 2010, o FIES passou a funcionar em um novo formato: a taxa de juros do financiamento passou a ser de 3,4% ao ANO, o período de carência passou para 18 meses e o período de parcelas em que se pode dividir o valor, para 3 (três) vezes o período de duração regular do curso + 12 meses.

    Entenda melhor:

    Nas novas condições de pagamento do FIES aos contratos firmados a partir do 2º semestre de divide-se nas seguintes fases:

    Fase de utilização: Durante o período de duração do curso, o estudante pagará, a cada três meses, o valor máximo de R$ 150,00 (cento e cinquenta reais), referente ao pagamento de juros incidentes sobre o financiamento. Esse valor que você pagará será definido no ato do cadastro.

    Fase de carência: Após a conclusão do curso, o estudante terá 18 (dezoito) meses de carência para recompor seu orçamento. Nesse período, o estudante pagará, a cada três meses, o valor máximo de R$ 150,00 (cento e cinquenta reais), referente ao pagamento de juros incidentes sobre o financiamento.

    Fase de amortização: Encerrado o período de carência, o saldo devedor do estudante será parcelado em até 3 (três) vezes o período financiado da duração regular do curso.

    Ou seja, um estudante que financiou todo o curso com duração de 4 anos:

    • Durante o curso (utilização): Pagamento trimestral de até R$ 150,00.
    • Carência: Nos 18 meses após a conclusão do curso, o estudante pagará, a cada três meses, o valor máximo de R$ 150,00.
    • Amortização: Ao final da carência, o saldo devedor do estudante será dividido em até 12 anos que corresponde a 3 x 4 anos (período financiado do curso).
    • O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) passou a ser o Agente Operador do Programa para contratos formalizados a partir de 2010.

    Além disso, o percentual de financiamento subiu para até 100% e as inscrições passaram a ser feitas em fluxo contínuo, permitindo ao estudante o solicitar do financiamento em qualquer período do ano.

    A partir do segundo semestre de 2018, os financiamentos concedidos com recursos do Fies passaram a ter taxa de juros de 6,5% ao ano com vistas a contribuir para a sustentabilidade do programa, possibilitando sua continuidade enquanto política pública de inclusão social e de democratização do ensino superior.

    O intuito é de também realizar um realinhamento da taxa de juros às condições existentes no ao cenário econômico e à necessidade de ajuste fiscal.